Você está em: Página Inicial > Cotidiano
Produtores rurais têm até hoje para aderir ao parcelamento de dívidas
Segundo a Receita, a primeira prestação tem que ser paga ainda hoje
Por Bem Paraná | Postado em: 30/04/2018 - 13:22

Publicidade

O prazo de adesão ao Programa de Regularização Tributária Rural (PRR) termina nesta segunda-feira (30). A adesão ao programa deverá ser feita na unidade de atendimento da Receita Federal do domicílio tributário do devedor, sem a obrigatoriedade de agendamento do serviço, informou o órgão.

Segundo a Receita, a primeira prestação tem que ser paga ainda hoje para que o pedido de adesão ao parcelamento seja aceito.

O contribuinte que já aderiu ou que aderir ao programa, além da redução de 100% dos juros, já prevista, terá também reduções de 100% sobre as multas de mora e de ofício.

No caso de pessoa jurídica, poderá utilizar créditos de Prejuízos Fiscais ou de Bases de Cálculo Negativas da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) para quitação de parte da dívida.

Esses benefícios não se aplicam aos 2,5% da dívida correspondentes à entrada, lembrou a Receita.

PRR

O Programa de Regularização Tributária foi instituído pela Lei nº 13.606, de 9 de janeiro de 2018, e permite que as dívidas dos produtores rurais com a Fazenda Nacional, vencidas até 30 de agosto de 2017, sejam renegociadas em condições especiais, ou seja, mediante o pagamento, sem reduções, de 2,5% da dívida consolidada, em duas parcelas, vencíveis em abril e maio de 2018, e o restante da dívida com redução de 100% dos juros de mora e das multas de mora, observado o seguinte:

1 - se o optante for produtor rural, pessoa física ou jurídica, o restante da dívida será parcelado em 176 meses, e o valor da parcela corresponderá a 0,8% da média mensal da receita bruta proveniente da comercialização da produção rural do ano imediatamente anterior ao do vencimento da parcela. A prestação mínima é de R$ 100;

2 - se o optante for adquirente de produção rural de pessoa física ou cooperativa, o restante da dívida será parcelado em 176 meses, e o valor da parcela corresponderá a 0,3% da média mensal da receita bruta proveniente da comercialização do ano imediatamente anterior ao do vencimento da parcela. A prestação mínima é de R$ 1.000.

Últimas Notícias
Cotidiano 21 Ago às 13:21
Sem uma alta taxa de cobertura, aumenta o risco do Estado voltar a ter casos de sarampo depois de 18 anos
Cotidiano 21 Ago às 10:39
Nesta reunião um dos principais assuntos discutidos  foi referente aos trâmites da proposta de alteração da Lei Geral Municipal.
Cotidiano 21 Ago às 08:18
A sensação térmica em Nova Santa Rosa nesta manhã é de 8ºC
Cotidiano 20 Ago às 16:08
Mais de 400 jovens com idade a partir de 12 anos participam da programação
Cotidiano 20 Ago às 12:54
O comandante da subseção de Santa Helena, Tenente Theodoro, destaca que é um dia histórico para o município,
Cotidiano 20 Ago às 11:37
Quem quiser colaborar com a ação pode levar os livros até a recepção da prefeitura
Cotidiano 20 Ago às 11:00
Pelo 7º ano consecutivo, ranking que reúne as mil maiores empresas do Brasil traz a instituição financeira cooperativa em posições de destaque
Cotidiano 20 Ago às 10:10
O professor foi vítima de acidente de trânsito na sexta-feira
Cotidiano 20 Ago às 09:25
As comemorações iniciaram as 10h00 com a Missa
Cotidiano 20 Ago às 08:10
Em vários pontos do Paraná são esperadas pancadas de chuvas com acumulado considerado
Portal Nova Santa Rosa
Tecnologia e desenvolvimento