Você está em: Página Inicial > Policial
Marinha de Foz recebe a primeira lancha personalizada para combater o crime
ancha foi projetada para enfrentar o crime organizado na fronteira
Por Catve | Postado em: 23/07/2018 - 16:01

Publicidade
Publicidade

A marinha do Brasil, por meio da capitania fluvial do Rio Paraná, em Foz do Iguaçu, recebeu nesta manhã a primeira lancha personalizada feita no país. A lancha que foi projetada para enfrentar o crime organizado nas regiões de fronteira suporta até mesmo tiros de fuzil.

A nova embarcação é uma conquista da capitania fluvial do Rio Paraná e será utilizada pela marinha do Brasil no oeste do estado. Um equipamento moderno e de segurança máxima. Um investimento feito em conjunto entre o ministério da defesa e do oitavo distrito naval de um milhão e meio de reais.
A nova embarcação é uma novidade em todo o país. Foi a primeira projetada com características especiais. Conta com radar, câmera termal, é blindada e pode alcançar a velocidade de 70 quilômetros por hora. 

Foi feita para operar em áreas com pedras, abarrancar em margens com terra, e porta um fuzil 762. Além disso, o material usado suporta tiros de armas com grosso calibre, como o próprio fuzil. Sem correr risco de afundar. Tem a capacidade para quatro oficiais.

A marinha já anunciou que já está em construção uma segunda embarcação como está. O governo pretende mandar esta segunda embarcação para outras regiões em que o crime organizado atua, como rio de janeiro ou santos em São Paulo. Mas, a capitania em Foz já solicitou ao governo que esta nova embarcação seja direcionada ao município de Guaíra. Assim, a segurança fica ainda mais reforçada nos 170 quilômetros de extensão na fronteira entre Guaíra e Foz.

A embarcação recebeu o nome de lancha 888 raptor poraquê que faz alusão a um peixe fluvial popularmente conhecido como peixe elétrico. É carnívoro e habita nos rios e lagos de águas calmas. Produz uma corrente elétrica de até 600 volts, o suficiente para matar um cavalo adulto com apenas um toque.

Últimas Notícias
Policial 21 Out às 08:21
A droga estava dividida em 215 tabletes
Policial 21 Out às 07:49
Três ocorrências a PM registrou
Policial 21 Out às 07:35
A mulher desesperada chamou a polícia
Policial 21 Out às 07:15
A PM foi até o local, mas ninguém foi preso até o momento
Policial 20 Out às 13:30
Seis pés foram encontrados
Policial 20 Out às 11:16
A vítima foi morte por golpe de faca no peito
Policial 20 Out às 08:45
O corpo foi trazido a Cascavel no final da madrugada
Portal Nova Santa Rosa
Tecnologia e desenvolvimento