Você está em: Página Inicial > Policial
Exames confirmam que corpos encontrados no Paraguai são de avô e neto desaparecidos há quatro meses
Polícia Nacional Paraguaia confirmou que corpos encontrados no distrito de Nova Toledo são de Alécio Dresh e do neto dele, Leonardo Farias Dresch.
Por G1 Paraná | Postado em: 02/03/2018 - 17:39

Publicidade
Publicidade

Exames laboratoriais confirmaram que os corpos encontrados no distrito de Nova Toledo, no Paraguai, são dos brasileiros Alécio Dresh, de 73 anos, e do neto dele, Leonardo Farias Dresch, de 12 anos. A informação foi divulgada pela Polícia Nacional Paraguaia, nesta sexta-feira (2).

Ainda segundo a polícia, os corpos encontrados já tinham sido liberados para a família antes do resultado dos exames.

Os corpos foram encontrados na quarta-feira (28), enterrados a 1,5 quilômetro de distância da casa onde os brasileiros moravam. A polícia chegou até o local depois que um preso, suspeito de participação no crime, contou a localização.

Alécio e Leonardo desapareceram em 23 de outubro de 2017, de acordo com a polícia.

Sete pessoas foram presas, em diferentes cidades do Paraguai, suspeitas de envolvimento no caso. A principal linha de investigação da polícia é de que o crime foi cometido por vingança familiar.

O agricultor e a família se mudaram de Marechal Candido Rondon, no oeste do Paraná, para o Paraguai há mais de dez anos. A família planta soja e milho no local.

A família mora a aproximadamente 160 quilômetros de Cidade Del Leste, na fronteira com o Brasil.

Portal Nova Santa Rosa
Tecnologia e desenvolvimento